Die Kolonie Santo Ângelo Zeitung
Copyright © 2000-2016 by Editora Werlang   •   All Rights reserved   •   www.werlang.de - www.coloniasantoangelo.com.br
Autor: William Werlang
Locução: Janice Hermes
O Jornal da Colônia Santo Ângelo
Membros da Família Fiss da Colônia Santo Ângelo
0042
< >
Archive.org    Blog    Twitter    CEW    Colônia Santo Ângelo    Linhagens    Links    Fale Conosco
Áudio 0042
Os quarenta anos de von Kahlden na Colônia Santo Ângelo.

    Grandes tarefas aguardavam Kahlden em sua administração na Colônia Santo Ângelo. De uma simples área colonial, a região brota das selvas uma próspera área agrícola graças ao empenho e a decisão deste Junker.

    Em 1860, Kahlden já preparava os mapas da região para iniciar a expansão da colônia em direção ao vale do Paraíso. Vivia por essa época numa pobre choupana de capim e terra batida no local denominado Cerro Chato, na margem do rio Jacuí.

    Ali provisoriamente era o centro da colônia. Mas Kahlden sabia que deveria procurar um outro local para administrar os imigrantes, que fosse mais no centro de Santo Ângelo.
 
    Em suas empreitadas de exploração encontra um local ainda devoluto que poderia ser utilizado para a colonização. Este local estava situado no planalto do paraíso.

    Este não era o único motivo para pretender fixar residência em Paraíso, mas sim, que o seu sogro Antônio Cândido Gomes da Silva, proprietário da parte sul do planalto. Pretendia fixar residência na terra de seu sogro e não em terras do governo ou alheias que pudessem dar qualquer margem de dúvida, quanto à veracidade da propriedade, em função de seus contendores ou opositores.

    Não queria de forma alguma ser acusado de ter invadido terras devolutas do governo ou dos posseiros. Junto ao rio Jacuí onde se localizava a sua primeira moradia as propriedade da terra era extremamente duvidosa. Portanto Kahlden construiria a sua residência em terras legítimas de seu sogro.

    A transferência se deu no ano de 1863 e a casa situada no alto de um grande platô que dava para o planalto podia-se divisar toda a região.

    Em 1862 na linha Nery, começaram a serem instalados os primeiros imigrantes do Paraíso. A vida na casa foi sempre muito movimentada. Em 1863 com ajuda dos pioneiros de Agudo realizou a travessia da serra que atingia por estreitas picadas a região. Com muita dificuldade chegou ao local onde fixaria residência.
In Hoc Signo Vinces!
contador de visitas